HABLANDO ESPAÑOL

Estava eu,zapeando as prateleiras de uma megalivraria aqui em São Paulo ontém,no fim da tarde. Dentre os milhares de títulos disponíveis numa loja desse porte, e eu – revisteiro assumido que sou -, me deparo com uma capa linda,cheia de cor,de vida editorial (oooba!!). Claro,tinha de dar pelo menos uma folheadinha …

Inicialmente acreditei se tratar de uma revista destinada à prática esportiva. Mas algo me dizia que aquela capa estava muito acima do padrão desse tipo de revista (sem desmerecê-las,ok? ). Não me enganei. A publicação destina-se ao público gay e se declara a primeira publicação em língua espanhola focada nesse target. Ao folhear a revista,ainda surpreso,me deparei com muita informação relevante sobre esse universo,belas fotos (e corpos idem,óbvio) mas o mais importante,ativismo sem fanatismo. E está anos-luz das manjadas Têtu e DNA. A  Zero segue uma linha editorial longe desses estereótipos defasados. Sem aquele ar de déjà vu.

A revista disponibliza ainda um site  onde dá para conhecer um pouco sobre (todas) suas edições e seu editorial é de primeiríssimo mundo,garanto !!

foto : divulgação / Zero Magazine

(para ler ouvindo)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s